Alimentação Saudável 11 de Junho de 2016

Azeite de Oliva pode ajudar a combater a gordura


Em recente pesquisa publicada pela revista científica americana Diabetes Care, foi divulgado que dietas ricas em gorduras monoinsaturadas, presentes no azeite de oliva, favorecem um menor acúmulo de gordura na região abdominal do corpo, em comparação com as dietas ricas em gorduras saturadas ou em carboidratos.

Garrafa de azeite de oliva em cima de uma mesa de madeira com azeitonas em torno

De acordo com a pesquisa, o azeite de oliva diminui a velocidade de digestão dos alimentos e o índice de glicemia da refeição, além de reduzir a concentração de açúcar no sangue e a produção de insulina, hormônio que, em excesso, contribui para o estoque de gordura abdominal.

A quantidade ideal para obter todos os benefícios do azeite de oliva são duas colheres de sopa por dia. É importante combinar o seu consumo com uma alimentação equilibrada, pois cada ml do azeite contém 9 kcl, ou seja, duas colheres de sopa são 140 calorias adicionadas ao seu corpo.

O melhor azeite para utilizar nas refeições é o extra virgem, pois possui uma concentração maior de vitamina E e de polifenóis (substâncias que fazem bem ao coração e à circulação sangüínea e podem prevenir doenças), que ajudam a combater os radicais livres.

Uma dica importante: não deixe de usar o azeite de oliva nas suas refeições. Com certeza, ele dará um delicioso sabor a mais à sua saúde.

Para levar uma vida mais saudável, nos acompanhe também no Facebook e no Twitter e receba atualizações sobre saúde e bem-estar.

 


Rodapé da página.