Cuidar de Você 15 de Dezembro de 2017

As 3 maiores causas e sintomas da Anorexia Nervosa


O desejo pelo corpo perfeito é foco de muitas pessoas, mas muitas vezes, medidas inadequadas para obter resultado mais rápido são tomadas. No entanto, por não buscarem ajuda profissional, algumas dessas pessoas podem acabar desenvolvendo a anorexia nervosa.

Jovem mulher malhando com alteres

Se você deseja entender melhor no que consiste essa doença e como tratá-la, fique atento a este post, pois reunimos informações importantes validadas por nossos profissionais.

Anorexia x Anorexia Nervosa

Você sabia que existe uma diferença entre a anorexia e a anorexia nervosa? Sim, existe, pois ambas tratam de um distúrbio alimentar relacionado à insatisfação com o próprio corpo, mas caracterizam-se de maneira diferente.

A anorexia é caracteriza pela perda, diminuição ou ausência de apetite; podendo se desenvolver por infecção, transtornos psicológicos ou até medicamentos. Já a anorexia nervosa consiste em um distúrbio alimentar em que a pessoa se recusa a comer, mesmo sentindo fome.

3 maiores causas e sintomas da Anorexia Nervosa

1. Desejo pelo corpo magro

Nesta causa a pessoa deseja resultado de imediato e quanto mais olha o reflexo de seu corpo, menos satisfeita fica. Então são comuns atitudes não se alimentar, abusar do uso de medicamentos específicos sem prescrição médica e até de exercícios físicos, sem acompanhamento profissional. Esta pode ser considerada a maior causa da anorexia nervosa.

2. Nível de ansiedade elevado

A pessoa sofre de ansiedade demasiada e como uma atitude reversa, supre toda ansiedade não se alimentando. Nesta causa específica, não há busca por um corpo esbelto, mas caracteriza-se tão somente como uma forma de combater a ansiedade, causando a anorexia nervosa. Diferente da bulimia, em que estando ansiosa a pessoa se alimenta compulsivamente.

3. Alto grau de estresse

Essa reação é comum no dia a dia de muitas pessoas, mas existem aquelas que possuem sérios problemas psicológicos por ter um alto grau de estresse. Nesta causa, não se alimentar é ? inadequadamente – uma forma de fuga para combater o estresse, desencadeando a anorexia nervosa.

Como tratar a Anorexia Nervosa

Todas as pessoas com anorexia nervosa necessitam de ajuda profissional. O tratamento inclui acompanhamento nutricional para reeducação alimentar e acompanhamento psicológico. Além de terapias de grupo, familiar e comportamental, o indivíduo também pode se beneficiar tendo em vista que o apoio do próximo ganha relevância.

O maior objetivo do tratamento é restaurar o corpo para um peso saudável e para hábitos de alimentação equilibrada. O primeiro passo para o tratamento da anorexia nervosa é a pessoa reconhecer que possui esse distúrbio alimentar.

Ganhar peso é um dos processos de importância e pode ser alcançado com o aumento das atividades sociais; redução de atividades físicas ? quando feitas de forma exagerada; e busca por ajuda de um nutricionista para obter uma alimentação saudável.

Em casos extremos da anorexia nervosa em que há subnutrição grave, se a perda de peso continuar mesmo com tratamento, ou a pessoa tiver forte depressão, é necessária a estadia prolongada em um hospital com acompanhamento profissional 24 horas por dia.

Buscando ajuda profissional com a Unimed Fortaleza

Com uma equipe de tratamento adequada, a anorexia nervosa pode ser superada. Por isso, se você se identificou com alguma causa ou sintoma, acesse o nosso Guia Médico e consulte um profissional, para que você tenha o acompanhamento adequado.

No entanto, já que prevenir é melhor do que remediar, a Unimed Fortaleza dispõe ainda da Medicina Preventiva, com programas e grupos voltados à promoção da saúde, com profissionais capacitados para ajudar no desenvolvimento de atitudes mais saudáveis.

Esperamos que este post tenha lhe ajudado a esclarecer suas dúvidas sobre o que é e como tratar a anorexia nervosa! Então, se você gostou e deseja ficar ainda mais por dentro de dicas de hábitos saudáveis, se inscreve em nosso canal no YouTube; toda semana tem um vídeo novo sobre saúde e bem-estar para você!

nutri-roberta-cristina


Conteúdo aprovado pela profissional Roberta Cristina Lima Maia (CRP 011/0969).
Coordenadora da Psicologia Hospitalar do Hospital Regional Unimed | Especialização em Psicologia hospitalar Especialização em abordagem sistêmica da família | Especialização em Cuidados Paliativos.

Rodapé da página.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência de navegação, personalizar conteúdo e melhorar o desempenho do site. Ao continuar navegando, você concorda com nossa Política de Cookies e de Privacidade.