Alimentação Saudável 19 de Outubro de 2017

Conheça 5 benefícios do vinagre de maçã


O vinagre de maçã tem sido um alimento muito comentado, bem como os seus benefícios, formas de usos, receitas e contraindicações. Aqui, você encontrará informações para aprender mais sobre esse alimento que tem se tornado uma das opções aderidas por aqueles que buscam uma alimentação mais saudável.

Vinagre de maçã em um recipiente de vidro, em cima de uma mesa de tom escuro. Ao lado, maçãs decorando.

O vinagre é uma substância líquida e ácida produzida através da fermentação de bebidas alcoólicas como o vinho, ou por meio de algumas frutas e cereais. Já o vinagre de maçã é um alimento que pode ser feito a partir de qualquer nutrimento que contenha açúcar; como a própria maçã, uva, framboesa, maracujá, cana de açúcar, kiwi, laranja, tangerina, manga, mel, melado entre outros.

No caso da versão com a maçã, a fruta passa por um processo de fermentação por leveduras benéficas. A concentração usual no vinagre de maçã é de 5% de ácido acético e 95% de água, além de alguns minerais e vitaminas que ajudam a proporcionar um sabor diferenciado e numerosos benefícios.

Os benefícios do vinagre de maçã

O vinagre de maçã possui mais substâncias benéficas do que os demais vinagres. O alimento conta com ácido acético e enzimas que são antioxidantes, traços de fibra solúvel e minerais, especialmente o potássio. Conheça a seguir 5 benefícios do vinagre de maçã.

1. Previne diabetes

A diabete é uma doença que exige muito cuidado, e o vinagre de maçã pode ajudar nesta prevenção, pois é uma ótima fonte de ácido acético, responsável por inibir a ação de várias enzimas, como a sacarese e a lactase. Sem ele, a absorção de açúcar e amido é bem maior no corpo. O alimento ajudará a equilibrar os níveis de ácido cético no organismo, e o seu consumo constante auxiliará a manter os níveis de açúcar no sangue sempre estabilizados. Conhece algum diabético? Então já compartilha a nossa dica!

Leia também: Tudo que você precisa saber sobre diabetes

2. Melhora as articulações e câimbras

O vinagre de maçã melhora a rigidez articular, pois o ácido acético possui uma ação quelante, de eliminação, de cristais de minerais que se depositam nas articulações do corpo.

3. Protege o fígado

O alimento possui os ácidos málicos, lático e cítrico que ajudam na saúde do fígado e também o tornam mais eficaz no processamento das toxinas, auxiliando o corpo a eliminá-las de forma mais rápida.

4. Melhora os sintomas do ovário policístico

Estudos feitos em um grupo pequeno de mulheres com síndrome do ovário policístico mostrou que o vinagre restaurou a função ovulatória através da melhora da sensibilidade à insulina.

Dúvidas sobre a Síndrome do Ovário Policístico? Assista ao vídeo que preparamos para você e inscreva-se em nosso canal do Youtube:

5. Auxilia na digestão e emagrecimento

O vinagre de maçã pode ser incluído na alimentação diária, no almoço e jantar. Ele aumenta a sensação de saciedade e faz com que se coma menos, logo, reduz a ingestão de calorias. É importante lembrar que duas colheradas diárias de vinagre de maçã na alimentação não será a fórmula mágica para a perda de peso. Incentivamos a prática de hábitos saudáveis, como a realização de atividades físicas e o acompanhamento de um profissional especializado.

O azeite de oliva pode ajudar a combater a gordura abdominal?

Recomendação da nutricionista

A nutricionista Denise Toledo recomenda incluir 1 a 2 colheres de sopa ao dia do vinagre de maçã na alimentação, podendo adicionar em saladas, preparação de carnes ou misturar com água 100 mL de água com limão e tomar 15 minutos antes do almoço e jantar.

É importante não exceder na dosagem, pois pode trazer problemas para saúde. Para saber como incluir o vinagre de maçã na sua alimentação, procure um nutricionista.

Compartilhe este conteúdo com os seus amigos e confira ainda outros artigos de alimentação no nosso blog! Descubra a seguir como a Pirâmide Alimentar indica quais são os nutrientes essenciais para o seu dia. Entenda como ela funciona!

nutri-denise
Conteúdo desenvolvido em parceria com a profissional Denise Toledo (CRN – 12000) | Formada em Nutrição pela Universidade Estácio de Sá (2013) / Pós-graduada em Nutrição Clínica Esportiva e pós-graduada em Nutrição Clínica e Estética pelo Instituto de Pesquisa de Ensino e Gestão de Saúde (IPGS) – Porto Alegre (RS) / Pós-Graduada em Nutrição Clínica Funcional e Fitoterápicos pelo Instituto Ana Paula Pujol – Camboriú (SC)

Rodapé da página.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência de navegação, personalizar conteúdo e melhorar o desempenho do site. Ao continuar navegando, você concorda com nossa Política de Cookies e de Privacidade.