Cuidar de Você 20 de Outubro de 2016

Mito ou verdade: desodorante pode provocar câncer de mama?


Mulher colocando desodorante aerosol

Uma das dúvidas que existe acerca do câncer de mama é se os desodorantes podem provocar a doença. A radioterapeuta Dra. Conceição Campos explica que nenhum estudo científico conseguiu relacionar o uso do produto com o desenvolvimento da doença, mas que o estilo de vida da sociedade moderna tem sido um dos principais motivos do aumento do câncer de mama. A redução do número de filhos e da prática do aleitamento materno, primeira gestação tardia, sedentarismo, obesidade (especialmente após a menopausa), o consumo de álcool, entre outros, são fatores que aumentam o risco da doença.

Apenas 5% a 10% do total de casos de câncer de mama ocorrem devido à herança familiar. A maioria dos casos não tem causa determinada e está relacionada aos demais fatores de risco desconhecidos (endócrinos e ambientais).

5 sinais de câncer de mama

É possível identificar a doença a partir de alguns sinais. Confira no infográfico abaixo:

Infográfico com os cinco sinais de câncer de mama

Não existem sintomas iniciais no câncer de mama, sendo descoberto normalmente em exames como mamografia, ultrassom ou ressonância magnética. Na presença de quaisquer sintomas suspeitos, é importante procurar um mastologista para ser feito o exame clínico das mamas.

O câncer de mama dói?

Muitas pessoas se questionam se esta doença apresenta dor como um dos sintomas. De acordo com a Dra. Conceição Campos, ?o câncer de mama não dói por ser silencioso e oculto. Muitas vezes é difícil detectá-lo e, quando o nódulo cresce a ponto de atravessar a pele, a inflamação ao redor causada pelo longo tempo de crescimento, pode causar a dor, somente nesta situação de evolução longa de lesão?, destaca.

O câncer de mama tem cura?

Muitos fatores precisam ser analisados para se falar em cura, principalmente por ser uma doença com subtipos e não uma única doença. Mas, quando diagnosticado precocemente, as chances de cura podem chegar a 90%.

Confira 6 alimentos que ajudam a prevenir o câncer de mama

E no caso do câncer de colo de útero, quais os sintomas?

O corrimento com ou sem odor, sangramento pós-relação sexual, aumento do fluxo menstrual não costumeiro em mulheres pré-menopausa ou aparecimento de sangramento na pós-menopausa são alguns dos principais sintomas. A dor pode ocorrer em situações em que a doença está mais avançada e os sintomas anteriores não foram valorizados pela mulher.

Ministério da Saúde e o câncer de mama

Mulher com o simbolo do outubro rosa na blusa

O Ministério da Saúde alerta acerca do câncer de mama: toda mulher deve realizar auto-exame das mamas mensalmente, sem uma técnica específica. A partir de 40 anos, uma mamografia de rastreamento (não há sintoma) deverá ser realizada e repetida a cada dois anos na ausência de alterações no exame. As mulheres com história familiar de parentes de primeiro grau com câncer de mama devem seguir a orientação do mastologista quanto à realização de mamografia, pois pertencem a um grupo de maior risco, não seguindo as recomendações da população em geral.

Papo Unimed

Símbolo do Outubro Rosa

A Unimed Fortaleza transmitiu ao vivo, via Facebook, a terceira edição do Papo Unimed na manhã desta quarta-feira, 19/10. Em alusão ao Outubro Rosa, o programa respondeu questionamentos dos curtidores da marca em relação ao câncer de mama. O tema rendeu diversas perguntas e engajou centenas de curtidores.

Confira na transmissão abaixo em que casos pode ocorrer a mastectomia preventiva, cirurgia para retirada total dos seios realizada por Angelina Jolie:

Rodapé da página.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência de navegação, personalizar conteúdo e melhorar o desempenho do site. Ao continuar navegando, você concorda com nossa Política de Cookies e de Privacidade.